Mulher é morta a facadas em Diadema/SP; marido é o principal suspeito

Uma mulher foi assassinada a facadas na noite desta sexta-feira (17) no bairro Casa Grande, em Diadema, no ABC Paulista. Segundo informações da Polícia Militar, o crime ocorreu na Passagem Irmã Dulce.

O 3º Distrito Policial (DP) da cidade registrou o crime como feminicídio, e o principal suspeito é o marido da mulher. O homem fugiu antes da chegada dos policiais.

Feminicídio

Desde 9 de março de 2015, a legislação prevê penalidades mais graves para homicídios que se encaixam na definição de feminicídio – ou seja, que envolvam “violência doméstica e familiar e/ou menosprezo ou discriminação à condição de mulher”.

Casos de feminicídio aumentam

Os casos de feminicídio aumentaram 76% no 1º trimestre de 2019 em São Paulo se comparados ao mesmo período do ano anterior, de acordo com levantamento feito pelo G1 e pela GloboNews. Nos primeiros três meses do ano, 37 mulheres foram vítimas de feminicídio. Em 2018, foram 21.

Ao mesmo tempo, o número de homicídios de mulheres caiu no estado: de 119 para 97, queda de 18%. Enquanto que no primeiro semestre de 2018, as vítimas de feminicídios representavam 17,5% do total de casos, neste ano, o percentual subiu para 38%.

Passagem Irmã Dulce, em Diadema (SP), local onde o corpo de uma mulher foi encontrado — Foto: Reprodução/Google Street View

Passagem Irmã Dulce, em Diadema (SP), local onde o corpo de uma mulher foi encontrado — Foto: Reprodução/Google Street View

Fonte: G1 Por Por José Carlos de Moraes Filho, TV Globo

Comentários no Facebook

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui