Egressos de comunidades terapêuticas participam de oficinas profissionalizantes

Mais que levar qualificação profissional, o trabalho realizado pela Fundação Wall Ferraz também desempenha um importante papel quando o assunto é inclusão social. A parceria firmada com a Fazenda da Paz – Centro de Convivência Retomando o Caminho oferta a egressos de comunidades terapêuticas, oficinas profissionalizantes na área de artesanato e workshops de orientação profissional e desenvolvimento pessoal. Realizada através do projeto Profissionalizar para Inserir, a parceria visa a autonomia produtiva e geração de emprego e renda aos participantes.

A execução da ação se dá em dois eixos:  Desenvolvimento Socioprofissional – direcionado para a capacitação profissional com a realização do Ciclo de Workshops temáticos voltados para o mundo do trabalho e Alternativas de Geração de Renda – com a realização de oficinas produtivas que exploram as habilidades manuais e lúdicas do público alvo.

“É muito importante que tenham ofertado essas oficinas profissionalizantes para nós. A maioria das pessoas não acredita na nossa mudança e também não nos dá oportunidade de crescer e mudar de vida após o tratamento de dependência química. Quero sair daqui pronto para trabalhar com artemuralismo”, afirma Fabio*, egresso da Fazenda da Paz e aluno da oficina de Artemuralismo.

“Para o presidente da Fundação Wall Ferraz, Scheyvan Lima,  a parceria com a Fazenda da Paz – Centro de Convivência Retomando o Caminho, representa uma oportunidade de profissionalização para grupos que muitas vezes são desacreditados: “A Fundação Wall Ferraz por compreender que as pessoas egressas das comunidades terapêuticas em abstinência e seus familiares, necessitam de um atendimento direcionado, motivação e oportunidade para despertarem seus talentos, desenvolverem suas habilidades e progredir profissional e intelectualmente. É um processo contínuo, que tem evoluído paulatinamente e os resultados são benéficos para todos os envolvidos”, pontua o presidente.

Em 2018, o Profissionalizar para Inserir ofertou 160 vagas em cursos profissionalizantes nas áreas de artesanato, alimentação e beleza, contemplando mulheres em situação de violência, pessoas com deficiência e seus familiares, pessoas em situação de rua, em tratamento de câncer e jovens em cumprimento de medidas socioeducativas.

Para ter acesso a informações de novos cursos, projetos e oportunidades de emprego, basta acessar a site da Fundação Wall Ferraz na internet [fwf.teresina.pi.gov.br] e as redes sociais. A FWF está localizada na Rua Coelho Rodrigues, número 900, na Praça da Bandeira, Centro de Teresina.

 

*Fabio é um nome fictício.

Comentários no Facebook

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui